sexta-feira, 31 de outubro de 2008




SIMILARIDADE







Vaivém eterno,
movimento contínuo,
pessoas andando
ou quase correndo,
pessoas nos coletivos,
nas lojas comprando,
nos hospitais,
nascendo ou morrendo...

Enquanto observo
o movimento,
vou tomando consciência
do mesmo vaivém
em meu corpo:



O sangue
circulando o tempo todo.
Os órgãos
trabalhando sem cessar...
A vida se mantendo.

Nas calçadas, pessoas
seguindo em frente
sem se olhar...
Como se chegar
fosse urgente demais.
Dentro do corpo
células se movimentam
num incessante renovar.




Mundos similares...



Homens
construindo prédios,
pontes,
estradas.
Células construindo ossos,
tecidos,músculos.



Ambos
na mesma faina contínua.

Homens que se matam
defendendo idéias,
lucros egoístas
ou pedaços de terra.



Anticorpos destruindo
os invasores inimigos,
doenças auto imunes
destruindo o próprio lar.



Com o aumento contínuo de gente
a natureza sofre,
as aglomerações adoecem...



É gente demais e o espaço fenece.


Como em nosso corpo,
quando as células
se multiplicam loucamente
e os tumores florescem.

No mundo externo
que meus olhos vêem...
Um movimento incessante!
Cá dentro do meu corpo
um movimento constante
que promove a vida.

Em dado momento de clareza
Vem-me certo pensamento e
pergunto-me com assombro:



- Não seremos também todos nós,
células minúsculas
sustentando a vida
de um gigantesco organismo?


*
*
*
________________________

________________________

________________________








124 comentários:

João da Silva disse...

Zélia, que sorte tive eu de chegar aqui e encontrar estes lindos e filosofais versos saindo do forno!
Já pensei nisso, também, mas nunca de maneira tão cheia de arte.
Prazer estar aqui com você.
Beijos carinhosos de luz e de paz, minha linda.
João

Osvaldo disse...

Oi, Zélia;
Certamente que sim, faremos parte depois dos tempos deste imenso sentáculo que sustenta ente gigantesco organismo...
Bastante profundo e insisivo este teu poema cheia de verdade e realismo.
bjs

Dauri Batisti disse...

Linda reflexão. A vida em rede, as partes e o todo nos deixando perplexos. Mistérios lindos.
Beijo.

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá querida Zélia, belíssimo poema, escrito com muito realismo... Parabéns, está SUBLIME!... Votos de um maravilhoso fim de semana, com muita Paz e Amor, beijinhos de ternura,
Fernandinha

elvira carvalho disse...

Depois da cirurgia, estou regressando aos poucos.
Um abraço e bom fim de semana.

meus instantes e momentos disse...

lindo poema, parabens , muito bom.
Maurizio

Multiolhares disse...

Se soumos uma parte de um todo, talvez tenhas razão
beijinhos

Uma Ilha disse...

Lindo!!!
Beijinho e um bom fim de semana com carinho.Uma ilha

Carla Sofia disse...

Poderosíssimo este texto e grande verdade se descobre nas palavras que apresenta.
forte mas necessário pensar nesta analogia
beijinhos

antonio - o implume disse...

Similaridade de vivências, sempre a mesma forma de correr, sempre o mesmo vai e vêm, apenas o amor nos faz diferentes, apenas nele reside a esperança. Contra ele se quebram todas as similaridades, e assumimos o zénite da nossa existência.

Cadinho RoCo disse...

O que temos em nós é o equivalente ao universo com dimensão tão infinita quanto abstrata. Somos casas, prédios, cidades inteiras e mais que isso. Somos a magia do eu que habita em nós para que possa realizar tudo, absolutamente tudo que conseguir realizar.
Cadinho RoCo

Tentativas Poemáticas disse...

Olá querida Maria Zélia
Acho que sim, que somos células minúsculas
sustentando a vida
de um gigantesco organismo!
Desejo-lhe um bom fim-de-semana.
Beijinho com ternura.
António

Alice disse...

sabe de uma coisa?... vir aqui é como tomar banho de cachoeira: uma delícia !!

lindas palavras !!



bjkasssssssss

Menina do Rio disse...

Somos energia, correntes que se ligam formando o todo!

Um beijo pra ti querida!

Ailime disse...

Querida amiga,
Espantoso este seu poema!
Enorme a sua inspiração!
Como faz uma esplendorosa comparação entre o mundo que nos rodeia e o nosso próprio ser!
Tão similares, como afirma!
E nesta correria em que andamos, nem nos apercebemos que somos apenas uma pequeníssima partícula neste imenso Universo.

Um beijinho em tons de azul e votos de um feliz fim de semana.

Ana Martins disse...

Oi Zélia,

Lindo, perfeito e realista!!!

Beijinhos

Fernando Pinto disse...

O mundo, afinal, pode ser azul...

Bom fim-de-semana!

Jacinta Dantas disse...

Penso que a sabedoria está em aceitar que somos mais um no todo d universo. Bom demais te ler agora.
Bom final de semana

Doncel disse...

La sabiduría y la sensibilidad de las almas poetas, dicen las verdades al mundo.

Siempre me agrada pasar por tu blog.
Besos, desde Barcelona.

Angel of Light disse...

Querida irmã de Luz!

Somos todos Um... essa é a grande verdade!

Beijinhos de Amor, Paz e Luz!

p.s.: Os teus olhos são LIIIIIINDOS!

Eduardo Aleixo disse...

Lindo poema, amiga, sobre a nossa tão enorme e eterna pequenez! Sobre a nossa tão frágil e tão rica humanidade! Sobre o grão minúsculo no qual existe o
atomo de que são feitas as estrelas. Poema de meditação sobre o fora e sobre o dentro, sem separação, porque todos somos um, neste milagre de sermos humanamente sublimes, terrenos e divinos. Que lindo é o mundo, quando o vemos com os olhos do teu poema.
Beijo.
Bom fim de semana.
EA

Elcio Tuiribepi disse...

Se deixarmos é nisso que a vida pode se transformar, é a correria desenfreada em torno do querer ter, ao invés do querer ser...Deixo aqui uma frase muito especial do "Fernando que as vezes nem parece Pessoa"...rsss...achei bonita e quis dividir com os amigos...
Conformar-se é submeter-se e vencer é conformar-se, ser vencido. Por isso toda a vitória é uma grosseria. Os vencedores perdem sempre todas as qualidades de desalento com o presente que os levaram à luta que lhes deu a vitória. Ficam satisfeitos, e satisfeito só pode estar aquele que se conforma, que não tem a mentalidade do vencedor. Vence só quem nunca consegue.
Fernando Pessoa
Bom final de semana...bo

Pelos caminhos da vida. disse...

Bom dia!

Tem selinhos lá para vc.


beijooo


obs: depois volto para ler esse texto.

O Sibarita disse...

Beleza dona moça! Sim somos esse gigante organismo, faça fé!


E bom haver reflexão dos belos versos!

bjs
O Sibarita

No Limite do Oceano disse...

O teu poema fez-me lembrar um dos primeiros textos do meu blog. Baseei-me numa música que gosto muito "Chasing Cars" dos Snow Patrol que também fala dum movimento muito distinto. O vaivém pode ser eterno, basta querermos que o seja :- )

*Hugs n' smiles*
Carlos

Sininho disse...

Querida e Linda Zélia, que belo poema de reflexão. De facto acontecem coisas inexplicáveis no nosso organismo que nos fazem pensar o porquê.
Adorei o cabeçalho deste seu cantinho azulado, com as gaivotas a voarem e a sua imagem no fundo!! Lindaaaaa!!!
Desejo-lhe um fim-de-semana com muito carinho, paz e alegria.
Beijinhos carinhosos e abraço meiguinho.

Sol da meia noite disse...

Quando nos detemos a observar o que nos rodeia, estas divagações acontecem.
Conclusões e interrogações se materializam no nosso sentir.

Gostei de ler.

Beijinhos de Luz te deixo * *

daniel disse...

Zélia

Produziste um belíssimo poema, a fazer equacionar mais as similaridades, que sob determinado ponto de vista, conclui-se existir.
A imaginação para o eloborar tem de ser considerada humanista.
Beijos,
Daniel

mfc disse...

Toda a permanência é movimento!

eder ribeiro disse...

somos a essência divina imbuída em nós, mas infelizmente neste mundo individualista só enxergamos o que nós reflete. bjos.

Valter Montani disse...

olá tudo bem?

estou a procura de parceria de link
se interessar me avise,

venha conhecer meu blog.

sucesso!

mdsol disse...

sempre as palavras...cuidadas e oportunas.
:)))

tossan disse...

É verdade, afinal somos quase todos urbanos e emotivos. Belo poema! Bj

Mar Profundo disse...

Olá, venho dar a conhecer o meu novo blog, apos alguns dias para ficar tudo bem decidi começar com ele hoje, espero que goste de o visitar e que faça parte dos seus favoritos... com o tempos darei a conhecer o que gosto de fazer - Escrever..

Beijos e boa visita.

http://marprofundo.mine.nu

vida de vidro disse...

Um poema que é, ao mesmo tempo, uma excelente reflexão. As dúvidas que nos assaltam, tão pequenos que somos neste universo. **

Vieira Calado disse...

Que seja sempre azul o seu mundo!
Quanto às cidades...
prefiro os campos...

Bjs

tulipa disse...

Que o silêncio me embale, nesta noite em que falta o abraço quente de um amigo...
Enrodilho-me nas asas do meu anjo invisível.
- Anjo, cantas-me uma canção?



Beijos
e
abraços.

beto melodia disse...

oi, zélia:

com meu sonho realizado, volto ao ar...
beijos em seu coração e um bom final de semana...

beto melodia disse...

oi, zélia:

com meu sonho realizado, volto ao ar...
beijos em seu coração e um bom final de semana...

Olhos de Mel disse...

Oie linda! Pior que não só fazemos parte, muitas vezes nos deixamos nos levar.
Bela composição poética!
Bom domingo! Beijos

Laura disse...

Ai nina, fiquei (entupida) no meu pouco saber mas muito sentir!...
Ideal seu pensamento que como na realidade a vida e nosso corpo andam juntos, nós é que nem prá'i olhamos, vemos tudo como uma metáfora transbordante de quereres mas sem unir as duas coisas...
Cada palavra no lugar certo, cada frase abismal..menina um abraço por tão bela poesia cheia de prosa e em sintonia com o Universo...
Amor e ternura aos montes para você... laura.

Vanda Mª Madail Rafeiro disse...

O seu Blog está lindo e intenso. Visitá-lo-ei frequentemente. Transmite paz e amor.
Um abraço.

Pelos caminhos da vida. disse...

Vir aqui é sempre um prazer.

Belas poesias,lindas imagens e esse tom de azul é maravilhoso,tudo aqui cheira a poesia, amor, amizade,...

Bom domingo de chuva para nós amiga,já que moramos na mesma cidade.

beijooo.

angela warlet disse...

Oi Zélia!
Reflexivo assim como a vida nas grandes metrópolis,faz parte do ser humano mergulhar e redescobrir a vida.Gostei do poema!
Um beijo,angela

angela warlet disse...

Oi Zélia!
Reflexivo assim como a vida nas grandes metrópolis,faz parte do ser humano mergulhar e redescobrir a vida.Gostei do poema!
Um beijo,angela

TRÍPTICO(POEMAS)FERNANDA disse...

Olá querida Rosa Maria, neste Domingo, passo para deixar-te muitos beijinhos,
Fernandinha

Maripa disse...

Lindos versos reflexivos,Zélia querida.

Sim,acho que somos todos energia, pequeninas peças, que fazemos parte do Universo. Meditarmos sobre este assunto, ainda nos deixa mais pequeninos...

Beijo carinhoso,minha amiga.

Lu Cavichioli disse...

Zélia sua constatação é plena de uma consciência madura e ritmada.

Esse poema traduz a generosidade da vida.Enquanto isso o homem (na sua infinita mania de soberba)escorrega em próprios passos.

Esse mundo de fato existe minha querida e tu o fizeste em lindas letras.

Parabéns!
Bjs da Lu

cristal disse...

Muito bem dito. Não sei se seremos parte de um corpo gigantesco... mas não me restam dúvidas de que a nossa consciência é apenas uma minúscula e imperfeita parte de uma consciência universal que é o todo... Bjs

Adriana disse...

hummmm ....viajei nesta....


boa semana!

O Profeta disse...

Passei para te deixar um terno beijo...

Rose Tunala disse...

Oi Zelia!
Seu blog está cada dia mais lindo, é bom passear por aqui.
***Beijos, linda semana para você***

Rose Tunala disse...

Oi Zelia!
Seu blog está cada dia mais lindo, é bom passear por aqui.
***Beijos, linda semana para você***

Bichodeconta disse...

Parabéns, lindo este seu poema que me deixou com vontade de voltar aqui muitas vezes..Voce é uma pessoa muito especial e de uma semsibilidade ontagiante..As palavras podem ser poéticas sem para tal precisar de perder a veracidade..E gostei do comentário da Alice..Banho de cacheira deve ser delicioso..Um beijinho e boa semana..

Bichodeconta disse...

Parabéns, lindo este seu poema que me deixou com vontade de voltar aqui muitas vezes..Voce é uma pessoa muito especial e de uma semsibilidade ontagiante..As palavras podem ser poéticas sem para tal precisar de perder a veracidade..E gostei do comentário da Alice..Banho de cacheira deve ser delicioso..Um beijinho e boa semana..

Alda disse...

Lindo!Lindo!

Um beijinho Zélia

Alda

heretico disse...

beijo. muito bonito. parabéns...

Agulheta disse...

Zélia. Adorei tudo em sintonia com as palavras,e muita sensibilidade.
Beijinho e uma flor

Maria Anjos Varanda disse...

é somos a essência deste gigantesco organismo....

Lindas palavras como sempre...é um prazer vir aqui...

Beijos

mariam disse...

Zélia!
este não é só um belíssimo poema,
é uma aula de anatomia, de urbanismo, da fauna e da flora, do Homem e da habitat urbano...
uma criatividade enorme! Parabéns (repetidos)

boa semana
um sorriso :)

mariam

mariam disse...

ah! com atraso, deixo-lhe um beijinho, p'la homenagem a Cecilia Meireles, adoro a sua escrita. :)

Maria disse...

Pode ser, sim...
Mas é uma angústia que não vai resolver nada...

Boa semana, Zélia.
Beijo

AA disse...

Interessante esta forma de comparar a rotina do dia a dia nas grandes cidades com o nosso corpo humano... Assim como comparar os "Homens que se matam defendendo idéias ou pedaços de terra com os anticorpos destruindo os invasores inimigos do corpo humano..." Excelente estas palvras intituladas de "similaridade"...

Tem um prémio no meu blog para o "mundo Azul"...
Beijos e desejos de uma óptima semana!

AA

R.G. disse...

Vim deixar-te um Beijo perdido...

MARTHA THORMAN VON MADERS disse...

Soberbo! me faltam palavras....
beijos.
tenha uma ótima semana , e se puder apareça.

MARTHA THORMAN VON MADERS disse...

Soberbo! me faltam palavras....
beijos.
tenha uma ótima semana , e se puder apareça.

nas asas de um anjo disse...

kida poetisa, essa é a consciência q tds devemos ter para, efectivamente, mudar mas passar da teoria à prática, é sempre + difícil!

bjs e boa semana
luz e paz

f@ disse...

Infinito aqui o teu espaço e esta poesia…
Espaço azul… verde e todas as cores que o homem deturpa… e nem vê..
Espaço suficiente para todos não fosse o egoísmo e ambição humanas… que amachuca e torna finitas em lutas pequenas e inglórias……

Beijinhos das nuvens

Maria Clarinda disse...

Claro que somos!!!!!
MARAVILHA DE POEMA!!!!
Jinhos mil

O Árabe disse...

Creio que o somos, sim, Zélia. Em cada um de nós existe uma centelha do infinito Universo. :) Boa semana, amiga!

Uma Ilha disse...

É assim a vida, um todo que se liga aos poucos.Beijinho Zélia

Laura disse...

Tem graça, hoje estive falando com uma amiga sobre o Universo, as células e as miriades de coisas que constituem um corpo, lindo sim, no nosso pouco saber, conseguimos ter uma tarde maravilhosa a falar das coisas de Deus... Um beijinho da laura..

CARLA ROCHA disse...

Lindo amiga, lindo mesmo! Beijo grande e azul pra você!

tibeu disse...

Adorei e voltarei para ler com mais calma. bj

Violeta disse...

Olá. Vim desejar uma boa semana. obrigada pelo momento de poesia

Violeta disse...

Olá. Vim desejar uma boa semana. obrigada pelo momento de poesia

lua prateada disse...

...um pouco de poesia em nossos corações, quão maravilhoso é...
Uma semana cheia de muita luz paz e muito AMOR !...
Beijinho prateado

SOL

TRÍPTICO(POEMAS)FERNANDA disse...

Olá querida Zélia, vim desejar-te uma boa semana e reler tão bela poesia... Beijinhos de carinho,
Fernandinha

Cristiana Fonseca disse...

Sim certamente , estamos envolvidos neste delirante orgasmo.
Abraços,
Cris

Bill Stein Husenbar disse...

Zélia querida

Em cada um de nós abre-se infinitas porta.

http://desabafos-solitarios.blogspot.com/

Flavio Ferrari disse...

Zélia: Tks pela visita ao Arguta.
Viajo muito de avião.
E sempre que estou retornando a SP e vejo a cidade esparramada sobre a superfície do planalto, tenho a sensação de que a humanidade é uma praga que se espalha ...
Essa sensação horrível passa quando encontro as pessoas de quem gosto.
Para uma praga, até que a gente é bacaninha ...

Poesias e Canções disse...

Isso tudo tão bem expresso prá mim se resume numa palavra simples e norme:VIDA!
Parabéns mais uma vez,tão maravilhosamente escreves que chego a constranger-me!
A própósito lindas as rosas do seu jardim!
Escrevi esta semana ,mas ainda não publiquei deixo essa frase aqui em primeira mão:
"O segredo do jardim não está na beleza das flores ,mas nas mãos que a cultivou,seu jardineiro".

Marta Vasil disse...

Muito lindo, realista e inteligente este seu poema que nos leva a reflectir nos fragmentos e no todo. E claro que somos células minúsculas sustentando a vida de um gigantesco organismo. E que organismo!...

Beijinhos

MV

Mundo das Fadas e Sereias disse...

Tia zélia, fiquei muito feliz por ter recebido o verso da Laura. Como faço para achar ela e agradecer? Mande o endereço ou coisa parecida.
########
V ######
e ####
r ##
o #
nica.Beijos. #######
#####

Vivian disse...

...Zélia minha linda,
você filosofou profundo
neste mistério que somos
todos nós...

linda você!

muahhhhhh

São disse...

Gostei di poema, sim. Mas adoro Carmina Burana!!!
Um abraço muito grato.

GarçaReal disse...

Belo o teu poema

Gostei muito

bjgrande do Lago

Pelos caminhos da vida. disse...

Boa tarde amiga!

Selinho especial para vc hoje no meu blog, espero vc lá.

beijooo

Agulheta disse...

Zélia.Neste mistério que todos somos,com a música de fundo que se conjuga em perfeita sintonia.
Beijinho e muita luz

helen ps disse...

Olá, Zélia, com certeza que somos células do Cosmo. Já dizia Hermes Trismegisto: "Assim em cima como em baixo, assim no macrocosmo como no microcosmo". Tudo se repete nos diversos planos da existência. Belíssima reflexão.

Abraço

PAZ e LUZ

Betty Branco Martins disse...

.querida Zélia




____________o belo é pouco para classificar_____o que é impossivel_________de dar "nota~"


então
contempla-se_________


__________..._________







(.vai ao "Fragmentos" procura e clica no link do_____"Fragmentos Betty Martins. últimas publicações" e procura o teu link



__________depois diz-me se gostaste?





beijO____C___carinhO

Lúcia disse...

Tem graça: essa é a pergunta que também faço muitas vezes. Todo o teu texto tem lógica, nexo e sensibilidade.
Beijinhos

Rafeiro Perfumado disse...

O pior é que esse movimento incessante é feito à conta do sacrifício de muita coisa, nomeadamente a natureza. E um dia terá de parar...

Beijo!

Pena disse...

Sensível e Linda Amiga:
Um poema majistral. Genial. Fantástico. "Confeccionado" com um admirável talento.
Extraordinário.
Simplesmente, notável, do melhor que tenho visto e escrito por si com uma brilhante e fantástica sensibilidade apuradíssima.
Fiquei de boca aberta, acredite?
Os meus Parabéns sinceros.
Excelente. Adorei.
"...No mundo externo
que meus olhos vêem...
Um movimento incessante!
Cá dentro do meu corpo
um movimento constante
que promove a vida..."

Impressionante e poderoso.

Este é o último comentário como "pena" e faço-lhe uma vénia agradecida por ser minha amiga. Tenho orgulho em si e no que é.
Beijinhos amigos de respeito imenso.
De novo os meus sinceros parabéns!
Com estima


pena

Mariz disse...

Querida Zélia

Tenho vindo aos poucos a visiar os amigos. A minha caixa de correio nestes 2 meses de interrupção, estava a abarrotar...depois o Fonfon também partiu e só agora vom deixar um beijo e os parabéns pelo magnífico blog carregado de bom gosto e o poema....uma centelha de LUZ eterna!

Sempre
MAriz

ESPAVO!

Nilson Barcelli disse...

Este seu poema é muito criativo.
A comparação foi uma excelente ideia e foi exposta com muita clareza poética.
Beijinhos.

Luiz Caio disse...

Oi Zélia! Como vai?
Aí depende...Se este organismo for, por exemplo, a vida terrestre impulsionada pelos milagres da mãe natureza... Eu diria que "nós" estaria-mos mais para um cancer!

TENHA UMA LINDA NOITE!
BEIJOS.

xistosa - (josé torres) disse...

O mundo grande e nós pequenos ...
sempre num frenesim, talvez até paranóico de tentarmos chegar mais longe e mais além.
São mundos muito próprios.
Onde os pequenos alimentam um corpo disforme que conforma o mundo.
Mas é um mundo negro e incessantemente arrastando-nos para a extinção, que chegará.

Quem me dera, a paz, tranquilidade, melancolia de
um Mundo Azul!

Rodolfo N disse...

Bellísima poesía con la energía del universo en cada frase...
Beijos!!!

São disse...

Se aceitar, há flores para si lá em casa!
Fique feliz.

MARTHA THORMAN VON MADERS disse...

beijos Zélia.
como sempre é bom demais vir aqui.

Olhos de mel disse...

Doce amiga! Passando para reler sua bela poesia! Beijos

Beatriz disse...

Um poema diferente, com reflexões que nos mostram que tudo que existe fora, no Universo, se faz presente no nosso corpo. Uma similitude que nos mostra que os mistérios da vida fazem, de certa forma, uma interação. Excelente texto, amiga!

Fica um raio de sol na tua tarde e um beijo no coração.

Perla disse...

Essa similaridade nos adoece...
Saibamos marcar a diferença!

Bjs

Caçadora de Emoções disse...

Um poema filosófico com muita reflexão e criatividade...
Redescobrir é preciso, encontrando aquilo que realmente vale a pena nas nossas vida.

Beijo grande e muitos sorrisos :)))

Laura disse...

Olá menina azulinha ,

olhos azuis
na alma o explendor do azul
nas mãos a caricia do céu
que é azul
E seu coração também tem
Aquele azulão que tem além!...

Beijinhos da nina dos olhos castanhos...

mariam disse...

deixo um abracinho, Zélia
e um sorriso :)
mariam

Denise BC disse...

Olá Zélia
Interessante similaridade na construção dos versos.
Bjs

Cultura Malcriada - disse...

Olá!!

Casou muito bem o texto com a imagem... sincronia perfeita. Gostei mesmo!

Até mais!!!

Zé do Cão disse...

Como seria bom se o mundo fosse sempre azul.

Beijocas

Jardineiro de Plantão disse...

Poema cheio de intencionalidade e reflexão.

Mas não seremos todos nós vítimas de um movimento imperecível e efémero da condição da renovação humana.

Abraços

Thiago disse...

somos sim! Somos sim sim!

eu fiquei sem o que dizer de tão lindo! Aí eu simplesmente afirmo!

Desnuda disse...

Zélia,

você propôs a partir de um poema que tenhamos um pensamento, uma abertura de pensamentos , eu diria. Não ouso diante de tantas questões incisivas e certeiras, ajuizar aqui uma resposta concreta. Resumir em poucas linhas, o que entendi, o ponto que vou dissecar, ampliar e me dar quase por satisfeita por também chegar a um consenso das inteligentes questões do texto. Obrigada pela beleza de texto, que traz luz e a expansão da consciência e do raciocínio.


Grande beijo

Teresa Durães disse...

quem sabe se não será assim

O Profeta disse...

Esta humilde folha solta
Este Vento que fala docemente
Abre-se a alegria da terra
Ai este Sol de sorriso presente

Um manto tecido pelas brumas da manhã
Uma mão segue o Sol outra a emoção
O orvalho que dança no celeste
Ganha a cor da exaltação



Convido-te a pintares o teu olhar com as cores do arco-íris




Mágico beijo

MADRUGADA... disse...

Não imagina o quanto me apraz descobrir blogs assim, como o seu.

Cumprimentos.

mariam disse...

Zélia,
no outro dia esqueci de referir... que adoro a escrita tão simples e sábia de Cecília Meireles... claro que vou a derir à blogagem colectiva!

um beijinho
fique bem.
mariam

Sei que existes disse...

Mas que bela comparação!
Beijocas grandes

Pelos caminhos da vida. disse...

Post especial pra vc lá.

beijooo

Mary West disse...

Muito belo e também verdadeiro. Uma dose de realidade com doçura. ;)

António Silva disse...

Amiga Zélia!
Dei uma "passeata" pelo seu blog e gostei do que li e vi. Prometo voltar. Beijos. António

Carla Silva e Cunha disse...

voltei para ver as novidades

sempre muito interessante.

gostei muito. felicidades


carla

http://www.arte-e-ponto.blogspot.com

Lia disse...

Somos sim...Dá um medooooooooo!rsrs
Prá onde vai tudo isso? prá onde vamos nós?
meu filho de ito anos chorou porque matei uma barata. Fiquei pensando...Será que ele tem razão? Se são elas os primeiros e provavelmentes os únicos sobreviventes do mundo? São sujas mas não será para a própria sobrevivência??Sabe-se lá.
Já vim três vezes hj ao seu blog. Estou adorando!
Um abraço.

freefun0616 disse...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,酒店,

Para todos que aqui passarem e quiserem levar o mimo...

Para todos que aqui passarem e quiserem levar o mimo...
Ganhei do Daniel Milagres e da Ana (Vento sem asas) OBRIGADA, meus queridos amigos!!!

Ganhei do Alvaro...OBRIGADA, meu querido amigo!!!

Esses selos, ganhei de PELOS CAMINHOS DA VIDA...OBRIGADA, minha amiga!!!

Esses selos, ganhei de PELOS CAMINHOS DA VIDA...OBRIGADA, minha amiga!!!

GANHEI DA MINHA AMIGA ISA!!! OBRIGADA, QUERIDA AMIGA...

Ganhei da minha amiga JUANI!!! Obrigada, de coração...

Ganhei da Minha amiga Marta Vasil, do "Lua com Dona"!!!Obrigada!

Recebi esse premio da minha amiga, MARIZ...............do meu amigo, EDUARDO ALEIXO..................e da minha amiga HELEN os........................OBRIGADA, queridos amigos!!!.......................................Recebi também da minha amiga FANNYe da amiga Marta Vasil, do Lua com Dona! Obrigada!!!!

Ganhei do blog PELOS CAMINHOAS DA VIDA! OBRIGADA, AMIGA!!!

Ganhei da Isa! Obrigada, minha amiga!!!

Ganhei da Isa! Obrigada, minha amiga!!!

Ganhei da Izinha do "Magico Olhar"!!!


Ganhei da sam! Comemoração do aniversário do seu blog...OBRIGADA, amiga!

Ganhei do meu amigo, Bill Stein Husenbar OBRIGADA!!!

Ganhei da Ana, do blog SAGITÁRIO!!! Obrigada!!!

OBRIGADA, meu querido amigo!!!

Ganhei do blog, PELOS CAMINHOS DA VIDA...Obrigada, amiga!!!

Ganhei da ANA DINIZ... Obrigada, minha amiga!!!

Ganhei do Martim, do blog"onde me esperas?" Obrigada meu amigo!

OBRIGADA, Serena Flor!!!

Ganhei da Mariz do blog "sou pó e luz" OBRIGADA, amiga!!!

Ganhei da Serena Flor! Obrigada, minha amiga...

Ganhei do meu amigo Tossan, do blog Klic Tossan! Obrigada!!!

Ganhei da Maria, do blog "PAPOILA". Obrigada, amiga!

Ganhei da minha amiga MARIZ! Obrigada...

Ganhei do blog SORRISO! Muito obrigada, amiga!!!

Ganhei da Neide! OBRIGADA, amiga!!!

OBRIGADA, meus amigos!!!

Ganhei da REBECA e JOTA CÊ! E também me foi ofertado pela MARTA VASIL...Obrigada, queridos amigos!!!

Esses selos ganhei da minha amiga, Anita Fonseca...OBRIGADA!!!

Esse selo ganhe da minha amiga Mariazita e i do meu amigo Alvaro! Obrigada!

GANHEI DA ISA, do blog MOMENTOS MEUS...Obrigada, é lindo!

GANHEI DO MEU AMIGO ALVARO! Obrigada!!!

Recebi da minha amiga Margarida do blog FRAGMENTUS e do meu amigo DANIEL SAVIO! Obrigada!!!

Ganhei do blog SONH@DOR@.50...Obrigada, amiga!!!

Ganhei da Isa...Obrigada, querida amiga!!!

Ganhei da Isabel, do blog BC e da Mariz do SOU PÓ E LUZ!! Obrigada minha querida amiga!

Ganhei da Isa, do blog MOMENTOS MEUS...OBRIGADA, AMIGA!!!

Ganhei da Mariz! Obrigada, amiga!!!

Ganhei da CLEO! Obrigada, minha amiga!!!

GANHEI DA FANNY e da Margarida do blog Fragmentus...OBRIGADA, amigas!!!

Ganhei da HAERE MAI e da MARIZ...Obrigada, minha amiga!!!

Ganhei da HAERE MAI e da MARIZ...Obrigada, minha amiga!!!

Recebi da minha querida amiga, ISA! Esse é o Troféu do Amigo! Esses blogs são extremamente charmosos. Esses blogueiros têm o objetivo de se achar e serem amigos. Eles não estão interessados em se auto promover. Nossa esperança é que quando os laços desse troféu são cortados ainda mais amizades sejam propagadas. Entregue esse troféu para oito blogueiros(as) que devem escolher oito outros blogueiros(as) e incluir esse texto junto com seu troféu. Passo a: SAM, SERENA FLOR, TOSSAN, PAPOILA, CLEO, FRAGMENTUS, MARTA VASIL, MARIZ. Estou passando às primeiras pessoas que me ofereceram um selo...